Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 3.6/5 (3635 votos)


ONLINE
3




Partilhe este Site...

Flag Counter

Calendário lunar

 


1º GRAU - AULA Nº 24
1º GRAU - AULA Nº 24

AÇÃO CÓSMICA E CÁRMICA DAS LINHAS DE FORÇA

Essas revelações ou ensinamentos ocultos são, diretamente, para os Médiuns-Chefes, Dirigentes, instrutores etc., da Corrente Astral de Umbanda, a fim de que possam, baseados neles, se orientarem quanto às pessoas que se julgam médiuns ou que de fato o sejam.

 

São diretrizes seguras, para que o Instrutor correto, consciente, possa examinar as mãos dos médiuns e verificar qual o grau ou as condições de adiantamento de cada um... através dos símbolos que identificar nas ditas mãos, que podem revelar a natureza da faculdade mediúnica de seu portador...

 

Assim, vamos primeiramente abordar o aspecto científico e oculto dessas LINHAS DE FÔRÇA, para que o interessado fique bem capacitado a entender o VALOR ou a razão de ser desses SÍMBOLOS e por que eles surgem nas mãos de muitas criaturas.

Então, Linhas de Força são as sutis correntes de energia que interpenetram todo espaço cósmico... São, dentro do sentido mais claro, mais simples, as forças elementais da natureza que tudo constroem, tudo formam, desde o mais insignificante grão de areia ao maior planeta, à maior estrela sideral... até às vias-lácteas, as galáxias, são formadas, construídas, por efeito direto e próprio dessas ditas linhas de força que na Escola Oriental tomam a denominação de TATWAS. Essas linhas de força ou tatwas, tão sutis, tão importantes, tão vitais, além de provocarem e construírem os planetas ou corpos celestes, ainda dão formação à aura eletromagnética dos próprios planetas...  SETE são as Linhas de Força (ou tatwas) ou Correntes Energéticas da Natureza, sendo CINCO inferiores e de pura energia astral e DUAS superiores e de pura energia mental. Cada uma tem a sua tónica particular, porém se interpenetram. Cada uma dessas cinco inferiores domina de 24 em 24 minutos, até fazer um ciclo rítmico de 2 horas, quando passam, ora para a influência SOLAR, ora para a influência LUNAR e assim, sucessiva e indefinidamente. Quanto às duas superiores ou de pura energia mental, comandam as cinco inferiores, dentro dos 24 minutos de cada uma dessas se revezando de 12 em 12 minutos... Então? Leiam, releiam, meditem e procurem compreender essa questão das linhas. Agora, vamos ao seguinte: são verdades incontestes, dentro dos ensinamentos ocultos, que a criatura nasce, vive e morre sob a influência dos astros. Por causa dessa observação tradicional, desse conceito, dessa verdade, foi que estabeleceram uma ciência, dita como astrologia esotérica, que trata desses aspectos, através do que se diz como um Horóscopo, que pode ser levantado quer para uma pessoa, quer para uma cidade, nação etc. Ora, irmão leitor, umbandista ou não, vamos exemplificar com você mesmo que está lendo: você nasceu em determinados minutos, de uma certa hora, de um certo dia, de um certo mês e ano. Então, você pode verificar, pela astrologia esotérica, que tem um Planeta Regente, isto é, aquele que REGEU o signo de seu nascimento, ou seja, os 30 graus que correspondem aos 30 dias do mês que você nasceu.

Você pode verificar ainda que, naquela hora do dia em que nasceu, um outro planeta estava dominando particularmente e assim se diz como o seu ASCENDENTE, que é muito importante... Poderá verificar também outras influências, que o astrólogo leva em consideração, mas para o nosso caso, isso já é mais secundário ainda... O seu Planeta Regente foi quem dignificou as manifestações de sua natureza vital, psíquica e espiritual de um modo geral (segundo nosso conceito). O seu Ascendente foi quem influenciou particularmente sobre o seu corpo astral e daí para o físico, e foi quem lhe deu certa constituição fisionômica, certos aspectos particulares etc.  Então? Perguntaremos agora a você: quem registrou, quem imprimiu essas vibrações ou influências planetárias — de seu planeta regente, de seu ascendente — na estrutura íntima de seu corpo astral e daí sobre os plexos nervosos de seu corpo físico de recém-nascido? Sabendo-se que, por dentro da hora planetária em que você nasceu, FÔRÇAS MAIS PODEROSAS dominavam de 24 em 24 minutos? 

 

É claro que você já deve ter concluído, pelo que explicamos no início, sobre as LINHAS DE FORÇA, que foram elas, essas correntes energéticas essenciais, quem REGISTRARAM, quem IMPRIMIRAM TUDO, sobre o seu organismo físico e astral, por ocasião do seu nascimento, modelando todas essas vibrações planetárias, segundo as suas características (das linhas de força, é claro), para surgir daí a linha mestra de todo seu sistema perispírito ou astral, orgânico propriamente dito e espiritual ou cármico...

 

Portanto, essas linhas de força ou tatwas são básicas, fundamentais, e é por causa disso que, dentro do que há de mais verdadeiro na antiga tradição, se afirma que nenhum horóscopo pode ser completo, sem o tatwa individual, ou seja, o levantamento da linha de força individual...

 

De sorte que, podemos definir as seguintes diretrizes:

 

1 — As Linhas de Força são quem geram os planetas e quem dão a qualidade da vibração astral ou eletromagnética de cada um...

 

2 — As Linhas de Força são quem presidem essencial e diretamente, ao nascimento, vida e "morte" de uma criatura...

 

3 — A Linha de Força é quem faz imprimir o SELO de todas as predisposições ou aquisições de uma criatura, nos 24 minutos em que está dominando, porque ela a linha de força é o canal cármico, direto, que traz todas as imagens ou clichês que se encontram nos Arquivos Astrais.... Enfim, essa citada linha de força é quem traz e imprime o selo de sua FICHA CÁRMICA, na estrutura íntima de seu corpo astral...

 

CONCLUINDO:

As Linhas de força (ou os tatwas), como CANAIS CÁRMICOS, como impressoras das FICHAS CARMICAS, são ainda quem fazem REVELAR os símbolos ou os sinais existentes nessa ficha, sobre as PALMAS DAS MÃOS das criaturas...

 

Assim, falemos um pouco sobre as nossas MÃOS para que o Instrutor se inteire mais ainda do assunto...

 

Todos sabem do importantíssimo papel que têm as mãos em nossa vida, em tudo e para tudo. As mãos, como instrumento de cura, são fatores tão antigos, que não precisamos repisar mais isso. Bastante citarmos Jesus, que curava impondo as mãos. Não só o Cristo assim fazia, como inúmeros magos ou taumaturgos do passado e do presente... temos os passes mediúnicos e magnéticos etc... tudo através das mãos.

 

Então, as nossas mãos, além de serem antenas receptoras e transmissoras, de correntes de energia, de fluidos magnéticos etc., são condensadoras e refletoras de todas as alterações de nossa vida fisiológica, de todo nosso sistema nervoso etc. De sorte que, para as palmas de nossas mãos derivam, correm e vão-se condensar, cerca de 280.000 sutis correntes nêuricas ou protoplasmáticas...

 

Essas sutis correntes nêuricas imprimem em determinadas zonas das palmas de nossas mãos as alterações favoráveis e desfavoráveis de nosso organismo e assim é que fazem surgir sobre essas citadas zonas SINAIS REVELADORES, em forma de manchas, pontos, ilhas, cruzes, meias-luas, grades etc. A essas ZONAS a ciência da QUIROLOGIA dá o nome de Montes Planetários...

 

Dá-se o nome de montes planetários, porque as Linhas de Força, através dessas ditas sutis correntes nêuricas - do sistema nervoso - fazem imprimir neles, nesses montes, a influência ou as vibrações particulares dos planetas ou corpos celestes...

 

Dentro dessa situação, ainda são as Linhas de Força que fazem também imprimir nesses montes planetários ou zonas de nossas mãos certas linhas, certos símbolos ou sinais importantíssimos reveladores de nossas condições cármicas e de nossas aquisições mais elevadas, assim como, faculdades mediúnicas, poderes supranormais etc... (Convém lembrarmos aqui o caso de Vucetich - o descobridor da identificação dactiloscópica. João Vucetich era da Polícia da Província de Buenos Aires (desde 1888) e vivia sobrecarregado de inquietação em torno do problema da identificação das pessoas, pois ele e outros mais tinham chegado à conclusão de que "o sistema antropométrico de Afonso Bertillon, estatístico francês, bastante difundido naquela época, era falho os erros eram frequentes.

 

João Vucetich se atormentava, auto interrogava constantemente: "de que maneira poderão ser sanadas as dificuldades de modo que a identificação das pessoas seja fácil, inequívoca e permanente?"

 

Foi quando recebeu uma inspiração divina... leu nas Sagradas um versículo bíblico, JÓ, Cap. 37, que diz: Escrituras - "O que põe um selo sobre a mão de todos os homens, para que cada um conheça as Suas Obras"...

 

Vucetich meditou muito sobre isso e acabou descobrindo a coisa, isto é, passou a estudar os sinais e as linhas das mãos e dos dedos. Primeiro, descobriu que apresentavam diferenças de um para outros e daí sucessivamente. Segundo, comprovou que as impressões (ditas depois como digitais) de pessoa a pessoa eram inteiramente diferentes. Enfim, estabeleceu o seu método de identificação, baseado em que os desenhos papilares da gema dos dedos são únicos, jamais mudam, são perenes...

 

Foi então que ele reavivou o conceito (já firmado na antiga ciência hindu de ler as mãos, há séculos, e denominado depois de Quirologia) de que se "a Divindade criara o homem de tal maneira que, ao ir-se reproduzindo, através dos séculos, cada indivíduo teria nas mãos os sinais físicos inconfundíveis de sua personalidade"...

 

Então, é claro que cada criatura traz nas mãos as marcas indeléveis, inconfundíveis, de sua personalidade digamos assim física, astral e mesmo psíquica ou moral cármica...

 

Devemos lembrar também que esse versículo de Jó – 37:7 foi traduzido com variações, por uns e por outros... mas sabemos que a interpretação correta sobre esse versículo no original é a seguinte: "Ele (isto é, a divindade) põe um selo sobre a mão de todo homem escolhido, para que conheçam a sua Obra"...

 

E é do conhecimento dos que estão familiarizados com as Sagradas Escrituras, que ali se ensina, através de várias declarações, que o Ser Supremo – Deus - dispõe de Registros Astrais, ficha cármica etc., com a denominação de Livro da Vida... como, por exemplo, em Apocalipse 3:5 que diz: - "O que vencer será vestido de vestes brancas, e de maneira nenhuma riscarei o seu nome do Livro da Vida").

Bibliografia: MISTÉRIOS E PRÁTICAS DA LEI DE UMBANDA

2º EDIÇÃO LIVRARIA FREITAS BASTOS S.A.

W. W. da Matta e Silva